ilhas

Autênticas “jóias da coroa”, os Arquipélagos dos Açores e da Madeira são pérolas que emergem em pleno Oceano Atlântico.
Quem conhece não fica indiferente! As paisagens de cortar a respiração, de rara beleza, são as molduras perfeitas para as ilhas dos Açores e da Madeira.
Desde cascatas, grutas vulcânicas, piscinas naturais, fauna e flora primitivas... os encantos não têm fim.
 
Refúgio de inúmeras espécies, as Ilhas dos Açores, são o paraíso perdido. Este lugar selvagem é um destino muito procurado pelas aves marinhas para nidificar: autêntico santuário em terra, mas também no mar, onde baleias recortam as águas azuis do Atlântico.
Os pequenos portos convidam a um mergulho, e as praias tanto podem ser de areia grossa, preta, como fina e branca ou areais pequenos, escondidos, em locais tão improváveis quanto belos.

A magia estende-se à Madeira, cujo arquipélago é formado pela ilha principal, Porto Santo e as ilhas Selvagens e Deserta.
É no Funchal, a capital, que se misturam história colonial, gastronomia e belezas naturais.
A imagem dos carrinhos de vime nas ladeiras do Funchal como opção de transporte entre a serra e a cidade é típica.
O centro antigo exibe obras de arte instaladas em fachadas de construções históricas. E o emblemático vinho local é outra das imagens de marca da Madeira, a par de uma cozinha única, baseada em ingredientes locais, como o peixe-espada preto.

Mas a Madeira não é só Funchal. A ilha Dourada, como é conhecido Porto Santo, revela uma beleza estonteante. O clima ameno convida a desfrutar do extenso areal composto por areias finas (com qualidades terapêuticas reconhecidas), e das águas tranquilas do mar. Além da praia, a cidade de Vila Baleira esconde histórias e lendas que merecem ser desvendadas por quem a visita.

Caminhadas
Velejar
Observação de Golfinhos
Observação de Baleias